RSS
 

06 mar

Constrange-me a vida do poeta

que tanto leio.

Parece com a minha em muitos aspectos.

(Lá dentro do dentro, quero dizer)

Por si, isso já é censura.

Uma porta fechada ao confiteor.

Um pudor que assola quaisquer tentativas de expressar-me.

Sufocado de tanta semelhança;

morte ao leitmotiv geminiano.

Melhor escrever uma ode ao Pelé.


28.2.19


 

Deixe um comentário