Isolar o sol e o sorriso para mais tarde

(na tarde que vazia virá)

Não haveria sentinela para o tempo.

Mesmo assim (por mania),

almejamos a tudo

manhã e notas musicais

notícias

flores

versos,

que depois serão decaídos no papel,

no arquivo com vírus,

na cabeça ácida de olvidamento.

Tudo na vida é muito igual,

cópias.


7.10.15

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *